Festival de Inverno de Garanhuns – CASTAINHO #fig2010

Comunidade Quilombola do Castainho no Fig 2010

Direto ao ponto

A comunidade de Castainho, a 15 minutos do centro de Garanhuns, foi reconhecida oficialmente no final da década de 90, pelo Ministério da Cultura/Fundação Palmares como remanescente de quilombo.

A história da comunidade quilombola de Castainho está relacionada com a do quilombo de Palmares . Símbolo de resistência e organização dos escravos fugidos na época do império, Palmares foi o grande reduto quilombola da região situada ao sul do estado de Pernambuco e norte do estado de Alagoas. Os moradores de Castainho identificam a origem da comunidade com a destruição do quilombo de Palmares e da morte de Zumbi dos Palmares. Castainho foi fundado por um grupo de negros que conseguiu fugir da guerra que destruiu Palmares.

Durante o Festival de Inverno de Garanhuns, deste ano, a Comunidade de Remanescentes Quilombolas do Castainho recebeu diversas atrações. No quilombo foi montada uma grande lona de circo – onde aconteceu apresentações de grupos culturais.

Além dos espetáculos, os quilombolas participaram de oficinas de Dança Afro, Jogos e Brincadeiras, e Percussão.
Eu fui com as criança e meu marido assistir algumas apresentações lá na lona. A tenda estava lotada de moradores e de turistas que foram assistir a diversos espetáculos.

2 respostas

  1. Fiquei muito feliz por ter encontrado esse site, pois danço a Cia de dança artefolia.e acabei encontrado muitas fotos lidas.de espetáculos nossos que foram exibidos no festival de Garanhuns.preto no branco e tambores.Muito obrigado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.